Transformando
30 ago 18
Uma música para refletir: Scars to Your Beautiful

Lembro-me de um tempo em que tudo que a Stefs de 14, 15, 16, 17 anos queria era se encaixar. E não era um se encaixar em uma panelinha para fazer amizades, para ser convidada a viagens ou para passar o final de semana na casa da menina mais popular da escola. Embora todas essas questões tenham feito parte da adolescência dela, o pertencer tinha a ver com o universo das mulheres magras, de cabelos macios e sedosos, cujas roupas cabiam certinho.

Aquelas das capas de revista. Aquelas dos videoclipes. Mulheres que podiam usar biquíni sem sentir vergonha do próprio corpo. Que podiam revelar um pouco da barriga sem “pneuzinhos”. Que faziam o que quisessem sem correr o risco de serem julgadas. Que eram desejadas pelos garotos sem ao menos respirar.

Era um universo que, inclusive, se podia comer chocolate sem engordar, um crédito a uma entrevista da Gisele Bündchen vista em algum momento dos anos 2000.

Um mundo irresistível demais para quem queria ser apenas magra.

Um mundo cuja jornada deixaria cicatrizes profundas.

Meramente porque essa Stefs tornou tudo e mais um pouco como sua própria verdade.

Sendo que eram ilusões criadas pela mídia e bravamente consumidas por uma adolescente dos anos 90.

(tw: menção sutil aos transtornos alimentares)

… Continue lendo

Stefs Lima
Jornalista, fundadora do Contra as Feras e líder de um Capítulo Local do movimento internacional chamado I Am That Girl. Ela vê a escrita como superpoder de criação e de comunicação capaz de tornar o mundo melhor.
09 jan 18
Janeiro Branco: uma campanha de conscientização sobre saúde mental

Janeiro chegou e, com ele, a principal pauta deste mês: saúde mental. Para quem não sabe, esse é um dos assuntos que me impulsionou a criar a Bela e as Feras e, daqui por diante, haverá mais textos sobre. Meramente porque meu objetivo é trazer uma abordagem humanizada referente a este tópico visto a quantidade de tabus que ainda o permeia.

Nada mais justo que começar com o pé direito e retomar o foco junto com a campanha que faz deste janeiro um Janeiro Branco. Janeiro Branco? Isso, preciosos! Este mês é destinado à conscientização sobre saúde mental em território nacional. Algo que soube muito recentemente e fiquei feliz à beça.

De acordo com o site oficial, o Janeiro Branco convida as pessoas a pensar sobre o sentido e o propósito da vida. Não apenas esses fatores como também sobre a qualidade de relacionamentos e sobre o quanto conhecemos quem somos, nossas emoções, nossos pensamentos e nossos comportamentos. Trata-se de uma campanha anual que, no geral, encontra seu maior sustento na proposta de sua tagline: quem cuida da mente, cuida da vida.

… Continue lendo

Stefs Lima
Jornalista, fundadora do Contra as Feras e líder de um Capítulo Local do movimento internacional chamado I Am That Girl. Ela vê a escrita como superpoder de criação e de comunicação capaz de tornar o mundo melhor.
25 out 17
Uma jornada chamada I Am That Girl

Este é um post dedicado ao I Am That Girl que, de início, me pareceu uma cilada pessoal. É aquele texto de retrocesso que precisei escrever para retornar a ele quando as coisas se tornarem meio punks.

━━━ ❤ ━━━

Minha jornada com o I Am That Girl começou em dezembro de 2014, quando encaminhei um questionamento sobre as chances de participar do blog. Ganhei um baita presente de Natal ao receber uma confirmação, pois, por ser um movimento gringo, as chances do meu envolvimento pareciam diminutas. Porém, as portas se abriram com uma facilidade que até hoje não acredito. Estreei no site em janeiro de 2015, mas ainda me pareceu insuficiente. E essa sensação aumentou quando eu cobicei o formulário para ser líder de um Capítulo Local em São Paulo.

Tal ideia foi criando raízes em meu âmago. Estava ali uma coisa que eu queria muito, mas estava com medo de não dar conta. Outra surpresa para minha pessoa, sem dúvidas, porque nunca fiz nada parecido ao que faço agora junto com o IATG. Sempre quando tinha chance, abria e fechava a página do formulário até que decidi cortar caminho. Fui conversar com uma das líderes, a Isa linda de Porto Alegre, e ela me deu mais confiança nesse processo.

… Continue lendo

Stefs Lima
Jornalista, fundadora do Contra as Feras e líder de um Capítulo Local do movimento internacional chamado I Am That Girl. Ela vê a escrita como superpoder de criação e de comunicação capaz de tornar o mundo melhor.
06 jul 16
Apunhadão dos encontros do I Am That Girl em São Paulo

Nos meses que transcorreram os encontros do I Am That Girl, tinha o costume de escrever um textinho para manter um diário e para expor mais meus sentimentos quanto ao tema do mês. Por mais que o grupo converse por mais ou menos 5 horas, ainda fica muita coisa de fora e que pipoca quando cada integrante já foi embora (a parte mais triste, de verdade).

Esses textos meio que pararam de ser escritos uma vez que não sabia o que fazer com o Random Girl, meu outro site que engatara um hiatus tremendo em fins de outubro do ano passado porque o layout resolvera me irritar. Nisso, fiquei sem relatar os encontros de novembro até o mais recente que foi em junho.

… Continue lendo

Stefs Lima
Jornalista, fundadora do Contra as Feras e líder de um Capítulo Local do movimento internacional chamado I Am That Girl. Ela vê a escrita como superpoder de criação e de comunicação capaz de tornar o mundo melhor.
29 abr 16
I AM THAT GIRL: Uma breve retrospectiva

Este é aquele post que tentarei ao máximo amarrar uma breve retrospectiva com um parecer dos últimos encontros relacionados ao I Am That Girl (que não aprofundarei porque vocês podem lê-los aqui). Anteriormente, falava desse movimento lindo e cheiroso lá no Random Girl (meu outro site) e A Bela e as Feras se tornará o lar permanente para essa pautinha só amor.

Se você quer viver uma vida movida pela paixão, se você quer fazer uma diferença no mundo para lutar por algo maior que si mesma e para provar aos outros que sim, uma pessoa pode fazer a diferença, você está em uma das batalhas mais difíceis que lutará. Mas também a mais gratificante – Alexis Jones ♥

… Continue lendo

Stefs Lima
Jornalista, fundadora do Contra as Feras e líder de um Capítulo Local do movimento internacional chamado I Am That Girl. Ela vê a escrita como superpoder de criação e de comunicação capaz de tornar o mundo melhor.
SIGA NO INSTAGRAM
@contraferas